Janela para o milho apertou? O sorgo é a solução

Cultivares JB 1324 e JB 1330 podem superar 6.000 Kg por hectare de produtividade, de acordo com pesquisas

Produtores de Mato Grosso e Mato Grosso do Sul começam a se preocupar com a janela de plantio da segunda safra de milho, devido ao ritmo lento no início da colheita de soja. Embora o milho seja uma cultura de alta representatividade para o resultado da lavoura, novas culturas surgem como alternativa para serem incluídas no sistema de produção.

 

É o caso do sorgo, que vem ganhando a simpatia de quem produz, devido principalmente a possibilidade de alcançar rentabilidade semelhante ou até superior à do milho. Para a segunda safra 2020, a Sementes Jotabasso marca presença no mercado com duas variedades de sorgo: JB 1330 e JB 1324.

 

Airton Francisco de Jesus, diretor da Sementes Jotabasso, comenta sobre o potencial dos híbridos. “Com a tecnologia e o melhoramento embutidos na semente, estes materiais podem superar 6.000 kg por hectare, de acordo com as pesquisas que vem sendo realizadas”. Juntando com o menor custo de produção em relação ao milho, o produtor pode ficar tranquilo de estar fazendo a escolha adequada para a segunda safra”, acrescenta.

 

Janela de plantio

 

Por que é importante cumprir o período de janela de plantio? Sergio Carvalho da Silva, supervisor técnico de vendas da Jotabasso, explica. “Enquanto o milho necessita de 600 mm de água durante o seu ciclo, o sorgo exige 300 mm. E a previsão de chuva para a próxima safrinha indica que pode faltar água”.

 

Outro ponto importante é o ciclo de cada uma das culturas. O sorgo tem ciclos mais precoces, em torno de 120 dias, 20 dias a menos do que a média do milho, que leva 140 dias para ser finalizado.

 

Para Sergio, a janela recomendada para milho na segunda safra 2019/20 será até 20 de fevereiro. Após esta data, o produtor pode entrar com o sorgo por mais um mês, até 20 de março, com bastante segurança.

 

Na próxima semana, você conhecerá uma vantagem exclusiva da Jotabasso em relação a comercialização de sorgo. Acompanhe nossas publicações!